quarta-feira, 7 de março de 2012

Sono



"Aqui estou eu outra vez.
Despertei duma espécie de hibernação consciente e foquei-me nos elementos materiais e imateriais que me acordaram.
Sono… reúne um conjunto de pinturas que exploram a textura e o espetro de cores da paisagem que me rodeia, e que serviram de suporte para o desenho imediato de figuras.
Sinto que, pouco a pouco, a realidade vai-se desentranhando do sonho e vice-versa."
Paulo Almeida, arquiteto





Inaugurada no passado dia 3 de março a mais recente exposição de pintura de Paulo Almeida poderá ser visitada até ao próximo dia 5 de abril, no Museu Municipal de Benavente.